A força do Pilates

O CENTRO DO CORPO

Conheça os príncipios ciêntificos usados por Joseph pilates para criar a técnica.

A base do método e o trabalho com os músculos do “power house” (centro de força), termo criado por Pilates para definir a regiao central do corpo . Estes músculos tem como função dar estabilidade ao corpo e apresentam papel fundamental na sustentação da coluna. Na técnica, todo movimento se inicia nessa regiao e vai se prolongando para os demais membros.


ALGUNS BENEFÍCIOS

Mais equilíbrio e flexibilidade

Maior coordenação motora

Desenvolvimento uniforme da musculatura

Força muscular, mobilidade nas articulações, consciência

Melhor postura e prevenção de lesões

SOLO X EQUIPAMENTOS

Ao contrário do que muita gente imagina, as duas variações da aula foram criadas por Joseph pilates

MAT PILATES

É a base do método. Feita no chão, o alun0 usa a própria resistência do corpo nos exercícios. Atualmente ganhou a complementação com alguns acessórios como Anel Flex e a Bola Suiça

PILATES ESTÚDIO

Com o uso de molas e estruturas de madeira, foram criados aparelhos para proporcionar graus variados de resistência muscular e garantir maior estabilidade da coluna durante os movimentos – por isso é priorizado nos

PRÍCIPIOS BÁSICOS 

Os seis fundamentos que regem a técnica são:

1. Respiração

Deve ser coordenada com movimentos. expira-se no movimentos de esforço usando a musculatura profunda do abdomem, o assoalho pélvico e os músculos eretores da coluna

Isso permite uma melhor sustentação lombar e pélvica e o relaxamento da musculatura acessória dos ombros e do pescoço (reduzindo a tensão nessas áreas)

2. Centralidade

Consiste no fortalecimento dos músculos do power house por meio dos movimentos e da respiração

3. Concentração

Pensar nos musculos acionados é importante. Isso estimula o sistema nervoso central a enviar mais impulsos nervosos para a área.

4. Cotrole

Deve-se ter um padrao suave de movimentos, eles são controlados pela mente.

5. Precisão

Durante a prática, os exercícios devem ser realizados de forma controlada e eficaz, no ângulo pré determinado pelo terapeuta.

6. Fluidez

Os movimentos devem ser contínuos e ritmados.