Terapia por ondas de choque - Fortaleza


A terapia por ondas de choque radiais é o uso de ondas de energia curtas e intensas que viajam mais rápido que a velocidade do som. Essas ondas de energia estimulam a quebra do tecido cicatricial e dos fibroblastos. Este processo aumenta a circulação sanguínea e inicia a atividade metabólica, causando uma resposta inflamatória que promove e estimula a cicatrização.

É comprovado clinicamente que a Onda de Choque tem taxas de sucesso de 91 por cento para tendinite calcária, 90 por cento para fascite plantar e 77 por cento para cotovelo de tenista.

Quais condições podem ser tratadas?

A Terapia por Ondas de Choque pode ser usada para tratar uma grande variedade de condições musculoesqueléticas, em particular aquelas que envolvem áreas onde o principal tecido conectivo se liga ao osso. Problemas comuns que podem ser tratados com sucesso são:

  • Pé - Fascite plantar, esporão do calcanhar e tendinite de Aquiles

  • Joelho - Tendinite patelar, dor no joelho e dor na canela (canelite)

  • Cotovelo - cotovelo de tenista ou de golfista (epicondilite lateral e medial)

  • Ombro - tendinite do manguito rotador e calcificação

  • Bursite trocantérica

  • Músculos - vários pontos de gatilho em todo o corpo e tensão muscular

  • Fraturas por estresse

  • Neuroma de Nervos-Morton

Quais são as contra-indicações e efeitos colaterais deste tratamento?

  • Condições de sangramento

  • Marcapasso

  • Medicamentos que prolongam a coagulação do sangue

  • Placas de crescimento -Epífises (crianças)

  • Gravidez

  • Lesões agudas

Os efeitos colaterais geralmente vêm e vão dentro de 3 a 5 dias. Efeitos colaterais leves podem incluir:

  • Vermelhidão

  • Inchaço

  • Dor

  • Hematoma

  • Petéquias (manchas vermelhas)

Como funciona o ondas de choque?

As Ondas de choque aceleram o processo de cura, ativando os poderes de auto-cura do corpo, particularmente nos casos em que o corpo teve dificuldade de fazer por conta própria. Estimula o metabolismo e aumenta a circulação sanguínea, o que permite que o tecido danificado se regenere e eventualmente se cure. O tratamento alivia a dor produzindo um efeito analgésico na área de tratamento. A cura ocorre ao longo de vários tratamento