top of page

A Coluna travou? Veja o que fazer.


spine.jpg

A maioria das pessoas têm pelo menos um episódio de travamento das costas em sua vida. Embora essa dor ou desconforto pode acontecer em qualquer lugar de sua coluna, a área mais afetada é a lombar (parte inferior das costas) por suportar a maioria do peso do seu corpo. A coluna cervical (pescoço) fica em segundo lugar devido ser a região com mais mobilidade da axis.

Dores na coluna, além de serem muito desagradáveis, causam uma limitação funcional para as atividades diárias como caminhar, estudar, trabalhar e dirigir.

Causas

Muitas lesões na coluna são relacionadas a atividades rotineiras domésticas ou no trabalho. No caso de um travamento, possivelmente um movimento brusco no pescoço ou um peso muito exagerado na lombar podem ser a causa.

O que vemos muito no consultório são travamentos de coluna lombar com muvimentos simples de pegar um sabonete, pegar uma verdura, uma panela, um arquivo, calçar um sapato, um espiro, pegar o filho…vocês que lêem este post me respondam o que esses movimentos tem em comum? Todos são com movimentos de baixar a coluna. Esse movimento fisiológico pode ser a causa de muito dos nossos problemas de coluna lombar.


No caso da coluna cervical, verificamos que 1 em cada 3 pacientes desenvolvem problemas no pescoço devido a permanecerem muito tempo com a cabeiça baixa, utilizar travesseiros elevados, estudar ou trabalhar em posições não ergônomicas com postura em flexão de cabeça. Muitos pacientes desenvolvem travamento de pescoço devido a acidente de carro ou queda ou simplesmente desviando buraco na pista ou um movimento brusco quando vai olhar para o lado.

Sintomas

Você pode sentir uma variedade de sintomas quando você machucar as costas. Você pode ter sensações de formigamento ou queimação, sensações de dor em todo o corpo ou pontadas fortes. Dependendo da causa e da gravidade, você também pode ter fraqueza nas pernas ou pés.

Os principais sintomas de um travamento na lombar são:


  1. Dificuldade em ficar em pé principalmente pela manhã

  2. Dificuldade em caminhar e erguer o corpo

  3. Dores localizadas ou irradiadas para uma ou duas pernas

  4. Dificuldade em espirrar, tossir e fazer necessidades fisiológicas

  5. Dificuldade em girar o tronco

  6. Pontadas na coluna lombar

Na coluna cervical, os sintomas que seguem podem ser um pouco mais amplificados que a lombar devido a sensibilidade aumentada:


  1. Dificuldade em levantar a cabeça

  2. Dificuldade em girar a cabeça

  3. Dores localizadas ou irradiadas para um ou dois braços

  4. Inchaço na lateral do pescoço

  5. No geral, dores pirores de manhã e à noite

Avaliação

Quando você marcar sua consulta com um fisioterapeuta, você vai responder a perguntas sobre a história de seu travamento, incluindo a frequência com que ocorre e a gravidade que isso impacta em sua vida.

Seu fisioterapeuta irá tentar determinar a causa de seu travamento na coluna, se ele poderá tratar o problema e se a melhora irá ser rápida ou mais demorada.

Durante o exame físico, o fisioterapeuta irá identificar a localização da dor e descobrir como isso afeta o seu movimento.

Tratamento

Para melhorar rapidamente, segue algumas dicas para eliminar a causa do problema:

  1. Pare ou diminua a atividade física normal nos 2 primeiros dias. Isso ajudará a aliviar os sintomas e reduzir qualquer inchaço na região da dor.

  2. Aplicar calor ou gelo na área dolorosa. Um bom método é usar gelo para as primeiras 48 horas, e, em seguida, usar o calor.

  3. Procure um fisioterapeuta especialista em tratamento de coluna para realizar o destravamento do movimento.

O fisioterapeuta pode ser procurado logo após o travamento. Ele irá realizar e prescrever alguns exercícios para que o retorno a normalidade seja mais rápida e segura.

Há uma crença errônea comum sobre dor nas costas é o que você precisa parar todas as atividade por um longo tempo. Na verdade, o repouso na cama não é recomendado. Se você não tem nenhum sinal de um sério motivo de sua dor nas costas (como a perda de controle da bexiga ou intestino, fraqueza, perda de peso ou febre), então você deve ficar tão ativo quanto possível.

  1. Após 1 semana comece com o treinamento aeróbio leve. Caminhar, andar de bicicleta ergométrica e natação são ótimos exemplos. Estas atividades aeróbicas pode melhorar o fluxo sanguíneo para as costas e promover a cura. Eles também fortalecer os músculos de seu abdomêm e nas costas.

  2. Alongamento e fortalecimento muscular são importantes. Contudo, quando esses exercícios não são prescritos corretamente pode fazer a sua dor ficar pior. Um fisioterapeuta pode ajudar você a saber quando começar alongamento e fortalecimento muscular e como fazê-los.

  3. Muitas pessoas beneficiam de fisioterapia. O fisioterapeuta vai primeiro usar métodos para reduzir sua dor. Em seguida, o terapeuta vai te ensinar formas de prevenir  que a dor nas costas apareça novamente.

Quando em contato com um profissional médico

Ligue para o seu médico ou procure uma emergência imediatamente se:

  1. A dor nas costas veio depois de um golpe ou queda grave

  2. Você apresenta ardor ao urinar ou sangue na urina

  3. Você tem história de câncer

  4. Você apresenta perda de controle sobre a urina ou fezes (incontinência)

  5. A dor é pior quando você se deita a noite ou quando você acorda e não consegue mais dormir devido a dor

  6. Febre inexplicável com dor nas costas

  7. Fraqueza ou dormência nas nádegas, coxa, perna ou pélvis

Prevenção

O exercício é importante para a prevenção de dores nas costas. Através do exercício você pode:

  1. Melhorar a sua postura

  2. Fortalecer as costas e melhorar a flexibilidade

  3. Perder peso

  4. Evitar quedas

É também muito importante para aprender a levantar e dobrar adequadamente sua coluna. Siga estas dicas:

  1. Se um objeto é muito pesado, procure ajuda.

  2. Espalhe os pés para dar-lhe uma ampla base de apoio.

  3. Fique mais próximo possível do objeto que você está levantando.

  4. Dobre em seus joelhos e não sua cintura.

  5. Aperte os músculos do abdômem quando você for levantar ou abaixar um objeto.

  6. Evite ficar em pé por longos períodos de tempo.

  7. Ao sentar-se para o trabalho, especialmente se estiver usando um computador, certifique-se de que sua cadeira tem as costas retas, utilizando um apoio lombar.

  8. Pare de fumar.

  9. Perca peso.

  10. Faça exercícios para fortalecer os músculos abdominais. Isso irá diminuir o risco de novas lesões.

Nomes alternativos

Dores nas costas, lumbago, dor lombar, dor de lombar, travamento, pescoço sem girar; dor na coluna aguda; travei a coluna

1.551 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tratamento de hérnia de disco em Fortaleza

Principais especialistas de hérnia de disco em Fortaleza O que é uma hérnia de disco? Os discos nas costas funcionam como uma almofada de borracha entre as vértebras (ossos) que compõem a coluna. Eles

Comments


bottom of page