Sentar-se por muito tempo reduz a mobilidade do quadril e provoca dores nas costas

Durante o curso de suas vidas, quase 80 por cento dos brasileiros têm ou terá algum tipo de dor nas costas. Muitos deles vão sentir dores que realmente são debilitantes e com certeza eles poderão faltar ao trabalho por causa disso. Esta porcentagem é bem elevada e nos leva a perceber o quanto é alto o número de pessoas que sofrem desconforto nesta região do corpo.


Embora muitas causas de dores na coluna possam ser prevenidas, é importante entendermos duas das razões que causam mais dores e lesões na coluna. Estas informações são importantes para que a população possa tomar medidas preventivas e curativas para reduzir as chances de ser vítima de uma crise de dor na coluna.

Os fatores (causas) mais importantes considerados neste artigo é a posição sentada por muito tempo e a falta de flexibilidade na coluna e quadril. No entanto, percebam que não adianta prevenir somente esses fatores para ficar sem dor nas costas.

Sentado por horas e horas todos os dias na frente de um computador ou em uma posição demora de trabalho leva a uma compressão dos discos da coluna vertebral, bem como uma redução da mobilidade nos quadris.

Os quadris são estruturas projetadas para serem extremamente móveis com uma grande variedade de movimento, mas quando se mantém a posição sentada por muito tempo o quadril e a coluna tendem a ficar cada vez mais imóveis. Outro exemplo disso no nosso corpo acontece quando se coloca um gesso no braço ou na perna por semanas ou meses deixando a articulação rígida e sem mobilidade.

O impressionante disto é que, por incrível que pareça, a posição sentada é mais maléfica a coluna / quadril do que a posição em pé. Vai dizer que quando você sente aquela dor na coluna não “dá” logo vontade de levantar e em questão de segundos a dor passa. Em resumo, a posição sentada gera uma compressão muito grande na região inferior da coluna quando comparado a posição em pé, ou seja, é melhor  trabalhar sentado do que em pé. Entendemos que isso é difícil. O que indicamos é que você não fique na mesma posição por mais de 30 minutos.

Para entender: Quando estamos em pé, as cargas colocadas que chegam na coluna vertebral são reduzidas por forma de  uma dissipação de cargas que ocorre devido ao quadril, músculos da coxa e região abdominal. Essas estruturas, unidas, trabalham também para apoiar nosso corpo. Quando se senta numa cadeira, todo o peso da parte superior do corpo é direcionado para a pelve, sem transferência da força através dos quadris, músculos das pernas ou abdômen. Isto resulta em cargas elevadas para as articulações lombares mais inferiores como L4-L5 e L5-S1 (Principais lugares onde podemos reconhecer as famosas hérnias de disco). Ao longo do tempo, os tecidos de suporte esta área do corpo tendem a enfraquecer e se romper.


Observe a diferença de estar em pé por muito tempo e estar sentado por muito tempo: Enquanto muitas pessoas sentem uma dor cansada ou desconforto causadas geralmente por dores musculares (principalmente os extensores da coluna, quadris e pernas, neste caso, a musculatura age como protetor dos tecidos, ligamentos e discos da coluna vertebral) quando estão de pé. Outros ,  quando sentados por muito tempo, fazem, sem querer, com que os músculos de apoio da coluna não trabalhem de forma adequada causando uma sobrecarga para os ligamentos, discos, ossos e outros tecidos conjuntivos.

Dores musculares podem ser recuperadas bem mais rápido se compararmos a reabilitação de uma protusão, hérnia ou artrose da coluna lombar. A posição sentada também coloca os quadris em uma posição onde eles não estão podendo se expandir, mover, ou ativar os músculos para suportar o peso do corpo. Isso pode levar a flexibilidade reduzida e falta de de movimento nos quadris. Quando isso acontece, um estresse adicional é colocado na região lombar fazendo com que uma nova causa de sobrecarga surja: a retração articular. Quando o corpo está precisando de mobilidade na coluna lombar / quadril (Lombossacra) e esta articulação não corresponde a necessidade, lesões nas costas podem ocorrer.

Assim, a posição sentada por muito tempo gera uma mobilidade reduzida mobilidade reduzida nas articulações do quadril e lombar e pode levar a lesões graves nas costas. Quanto mais tempo a pessoa se senta em uma cadeira e menos flexibilidade nos quadris ela apresenta, maior a chance de dor nas costas e mais forte essa dor pode aparecer.

As pessoas que querem viver sem essas dores devem seguir as dicas da sessão de bem estar na coluna aqui em nosso site, realizar exercícios direcionados para ganho de flexibilidade dos quadris e coluna que podem ser conseguidos com o R.P.G Souchard, Pilates, T.D.C e Osteopatia, e o mais importante, ir a um profissional habilitado logo quando os sintomas começarem a aparecer.

Para um tratamento de qualidade em fisioterapia, Clínica Fisio, em Fortaleza, o melhor lugar para estar bem.

Para agendar os atendimentos pedimos que ligue para nossa recepção (3246.1765-3065.0325) ou marque seu atendimento através de nosso e-mail contato@clinicafisio.com.br.


#Tratamentoparadoresnacoluna #Fisioterapiaparacoluna #fisioterapiaemfortaleza #tratamentoparacoluna #clinicadefisioterapiaemfortaleza #fisioterapiaparahérniadedisco #doresaosentar #comotratardoresnascostas

2 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

ENDEREÇOS

 

UNIDADE 1 - ANTÔNIO SALES

VEJA INFORMAÇÕES DOS SERVIÇOS

Avenida Antônio Sales, 681

Fortaleza - Ceará

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda à Sexta      07:00 - 21:00

Sábado                      08:00 - 12:00

PROMOÇÕES

Sem promoções disponíveis

UNIDADE 2 - OLIVEIRA PAIVA

VEJA INFORMAÇÕES DOS SERVIÇOS

Avenida Oliveira Paiva, 1216

Fortaleza - Ceará

UNIDADE 3 - JOVITA FEITOSA

VJEA INFORMAÇÕES DOS SERVIÇOS

Avenida Jovita Feitosa, 2334

Fortaleza - Ceará

Fisio - Serviços de fisioterapia e saúde

CNPJ 12.026.181/0001-04

Av. Antônio Sales, 681

Central de atendimento:

(85) 3246-1765

  • Instagram Clinica Fisio
  • you tube clinica fisio
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W
Agendamento online fisioterapia